DEUS NOS CHAMOU PARA PEREGRINAR

DEUS NOS CHAMOU PARA PEREGRINAR

Ora, o SENHOR disse a Abrão: Sai-te da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei. E abençoarei os que te abençoarem, e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; e em ti serão benditas todas as famílias da terra. (Gênesis 12:1,3)

DEUS NOS CHAMOU PARA PEREGRINAR

Ora, o SENHOR disse a Abrão: Sai-te da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei. E abençoarei os que te abençoarem, e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; e em ti serão benditas todas as famílias da terra. (Gênesis 12:1,3)

E, se sois de Cristo, então sois descendência de Abraão, e herdeiros conforme a promessa. (Gálatas 3:29)

Abrão não escolheu a Deus. Vivia em Ur dos Caldeus, uma cidade pagã, e como todos ali, era pagão e idólatra (há indícios históricos que sugerem que Abrão era um adivinhador por meio da observação dos astros).Deus o escolheu e lhe chamou soberanamente. Lhe fez promessas espirituais e eternas que foram tipificadas na sua jornada e na história dos seus descendentes, o povo de Israel, e que tem se cumprido na vida de todos os que foram redimidos por Cristo. Mas há uma exigência de Deus sobre aqueles que, como descendentes espirituais de Abraão foram feitos herdeiros das Suas promessas. Fomos chamados a sair da nossa parentela, ou seja, abandonar o modo de vida que herdamos da natureza caída e pecaminosa do nossos pais, descendentes de Adão.Isso resulta em conflito constante entre o filho da promessa e o filho de Adão que reside em nós. Também fomos chamados a sair em peregrinação na direção da terra prometida. Peregrinar, no sentido bíblico, corresponde a sair da terra em que nascemos e onde vivíamos sob o poder do pecado, e viajar como estrangeiros por terras estranhas, e muitas vezes, hostis, com os olhos e o coração voltados para a fim maior da nossa caminhada, a Terra Prometida, a Canaã Celestial, onde estaremos eternamente com Cristo.

Essa peregrinação exige de nós, antes de tudo, fé, submissão, obediência e determinação. É a parte que nos cabe, como peregrinos neste mundo. A parte que cabe à divindade é a constante intercessão de Jesus pelos seus escolhidos e o apoio do Espírito Santo, que nos santifica, fortalece, orienta e consola.

Deus, assim como fez com Abrão, nos escolheu e nos chamou para peregrinarmos neste mundo mal, mas em nenhum momento nos deixa carregar fardos maiores do que podemos suportar e, em Cristo nos prometeu companhia e auxílio todos os dias, até a consumação dos séculos.

O caminho é estreito e pedregoso, mas no fim dele, O Senhor, em pessoa, enxugará de nossos olhos toda a lágrima!

#prossiga

Diácono Everson Alves