AS SOLICITUDES DA VIDA

AS SOLICITUDES DA VIDA

Disse Jesus: “Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestuário?” (Mt.6:25).

Disse Jesus: “Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestuário?” (Mt.6:25).

Talvez o maior desafio do homem contemporâneo seja depositar toda a sua confiança em Deus, crendo de fato na boa vontade de Deus para consigo.

É consenso que a grande maioria crê que Deus existe, que criou todas as coisas; que Jesus Cristo de fato tenha existido, que trouxe mensagens de paz e esperança, etc…

Mas, acredito, muitos não confiam plenamente no Deus pessoal, no Emanuel, naquele que tem o coração inclinado ao Seu povo, que tem pensamentos de paz e não de mal, nAquele que tem boa vontade para conosco.

Isso leva-nos às buscas, às auto satisfações e às tentativas (frustradas) de suprir todas as nossas necessidades. Quão tolos nos tornamos nesses momentos, quando nos esquecemos que, nem de longe, poderemos fazer melhor ou sequer igual ao Nosso Deus.

Jesus Cristo, falando aos discípulos e às multidões que o assistiam no Monte, questionou qual deles poderia acrescentar uma única hora ao curso da sua vida, mesmo com todos os seus cuidados?

NÃO ANDE ANSIOSO PELA SUA VIDA é a amorosa Palavra de Jesus para nós ainda hoje, porque ELE cuida de todos nós da mais excelente forma imaginável (ou inimaginável) que possamos conceber.

Esse é um chamado à plenitude de uma confiança no Senhor na nossa caminhada. Com as nossas preocupações e atitudes descentralizadas da vontade de Deus só nos assoberbamos de problemas, desastres e tristezas; às vezes, damos voltas e mais voltas em torno de uma mesma situação, sem solucioná-la; outras vezes, até somos bem sucedidos em alguns empreendimentos, porém, ao final, constatamos o vazio em nosso coração, comprovando que, mesmo diante do “sucesso”, nossa alma continua necessitando de Deus, e que aquilo que tanto ansiamos e buscamos nos leva a outras incessantes buscas; certamente esse era o sentimento de Zaqueu, de Nicodemos, da mulher samaritana e de tantos homens e mulheres que vivem trilhando seus próprios caminhos: constatam que nada viveram, pois não havia Vida em suas próprias vidas, porquê a vida abundante vem do Senhor.

Queridão/Queridona, as solicitudes de nossa vida devem ser levadas ao Senhor pois, bem certo, nosso Pai Celestial sabe daquilo que necessitamos melhor que nós mesmos.

Isso não nos isenta de sonhar, de planejar ou executar, mas que tudo seja de acordo com o propósito do Senhor, para que o Seu nome seja honrado em nossas vidas.

Neste dia, o Senhor quer ministrar aos nossos corações a Sua vontade, que é BOA, PERFEITA E AGRADÁVEL.

Para tanto, é necessário que sigamos o conselho de Pedro (1ª Pe.5:7): “Lançe sobre Ele toda a tua ansiedade, porque Ele tem cuidado de você”.

 

Pastor Carlos Alberto

PIB Trindade